Exames e Diagnósticos

Apresentação geral

O Laboratório de Análises Clínicas da Beneficência Hospitais conta com equipe multidisciplinar e dispõe de equipamentos atualizados e de alta sensibilidade*, interligados ao sistema de gestão de amostras, o que resulta em plena confiabilidade dos laudos. Aberto em 2013, foi projetado para otimizar o processamento das informações e agilizar a liberação dos resultados. Capaz de produzir até 100.000 exames mensais, atende com a mesma urgência aos pacientes em internação, ambulatoriais e do Pronto Atendimento, associados a convênios de saúde e particulares.

Para manter os padrões de excelência, o Laboratório atua em parceria com a ControlLab, a maior empresa brasileira de gestão de qualidade e de proficiência clínica. São oferecidos exames nas áreas de Hematologia, Bioquímica, Imunologia, Urinálise, Gasometria e Microbiologia, esta última integrada com o serviço de Controle de Infecção Hospitalar, e focada nas melhores opções de antibioticoterapia em conformidade com o especialista médico.

O agendamento de exames pode ser efetuado através da Central de Atendimento (51) 3023.9090 ou pessoalmente, na Av. Independência 270. 

Informações sobre convênios e procedimentos pré-exames devem ser solicitadas ao médico responsável ou obtidas na Central de Atendimento.

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: das 7h às 22h.

*Equipamentos fabricados por HORIBA® SIEMENS ® MINDRAY® BIOMERIEUX® INSTRUMENTATION LABORATORY E NIKON.

Diagnóstico por Imagem

Contar com equipamentos e tecnologias de ponta em Radiologia e Medicina Nuclear é hoje imprescindível para a tomada de decisões médicas relacionadas à detecção, ao tratamento e à prevenção de doenças, com agilidade e precisão. Na Beneficência, o avançado centro Irradial de diagnóstico por imagem realiza exames em diferentes níveis de complexidade, com uso de métodos não-invasivos de investigação e aquisição de imagens em alta definição.

Em ambiente confortável, são colocados à disposição dos pacientes os seguintes serviços: PET-CT, Tomografia Computadorizada, Ressonância Magnética de Alto Campo 1.5 Tesla, Ressonância de Campo Aberto, Tomografia Multislice, Ecografia, Ecografia Doppler, Radiografia, Ecocardiografia, Angiografia Digital, Mamografia Digital, Densitometria Óssea, Hemodinâmica, Radiologia Intervencionista e Radiologia Geral. 

PET-CT

Exame imprescindível para a investigação do câncer, utiliza equipamento de última geração. Através de sobreposições metabólicas e anatômicas, adquire imagens de corpo inteiro, capazes de revelar precocemente lesões malignas, frequentemente não detectadas por outras modalidades de imagens como a tomografia, ressonância, ultrassom e raio-x. Como resultado, tem-se um método avançado e ágil que proporciona um diagnóstico preciso e precoce, possibilitando a escolha mais adequada do tratamento, quando necessário.

Tomografia Computadorizada

Método bastante preciso e seguro de investigação por imagem, a Tomografia Computadorizada consiste em um aparelho de raios X que gira em torno do cliente, fazendo inúmeras radiografias transversais. Convertidas por um computador, as imagens fornecem uma visão tridimensional de órgãos e estruturas internas. Pode ser utilizada em praticamente todo o corpo humano e é bastante solicitada para exames de coluna, crânio, tórax e abdômen.

Ressonância magnética de alto campo 

A nova ressonância 1.5 tesla permite imagens em alta definição, o que auxilia no diagnostico mais preciso. A humanização do ambiente, com o famoso céu estrelado, transmite uma sensação acolhedora e confortável, tornando este momento uma experiência agradável.

Ressonância de campo aberto

O exame de campo aberto proporciona muito mais conforto e tranquilidade aos clientes, já que elimina a sensação de claustrofobia provocada pelo equipamento de campo fechado. Obesos, portadores de deficiência e pessoas com mobilidade limitada, também são beneficiados pelo campo aberto. Conforto e tranquilidade principalmente para crianças e pessoas com claustrofobia.

Tomografia multislice

A tecnologia multislice, também conhecida como multidetectores, permite importante redução do tempo do exame, além de maior definição das imagens adquiridas pelo princípio do isotropismo na aquisição. A velocidade na aquisição de imagens trouxe novas aplicações ao estudo, possibilitando explorar áreas até então estudadas por outras tecnologias: identificação e monitoramento de nódulos minúsculos localizados nos pulmões, endoscopia virtual, inclusive com imagens do intestino grosso (cólon), de forma também segmentar, permitindo a identificação de pequenos pólipos. Um dos maiores benefícios proporcionados pelo aparelho está no campo da angiotomografia (tomografia das artérias coronárias), um exame que vem ganhando espaço na cardiologia por contribuir na identificação de indivíduos que têm maiores probabilidades de sofrer eventos coronarianos e não são portadores dos fatores de risco tradicionais, como hipertensão, diabetes e dislipidemia. Após processamento das imagens, como, por exemplo do coração, possibilita uma avaliação não apenas anatômica mas também funcional do órgão.

Ecografia

Também chamada de ultra-som ou ultra-sonografia, a ecografia é um método não-invasivo em que a imagem é visualizada durante a realização do exame. Permite observar as condições de órgãos internos, tecidos, rede vascular e fluxo sanguíneo em exames abdominais, ginecológicos, obstétricos, musculoesqueléticos, cérebro-vasculares e cardiológicos, entre outros.

Ecografia Doppler 

O Doppler colorido é um tipo de ecografia utilizado na análise dos vasos e do fluxo sangüíneo. O método é não-invasivo e um dos mais eficientes para o diagnóstico de doenças circulatórias. Pescoço, pernas, braços e abdômen são exemplos de regiões do corpo que podem ser investigadas a partir da eco-Doppler. Como não aplica qualquer tipo de radiação, é indicada inclusive para examinar gestantes.

Radiografia

Por meio dos raios X, a Radiologia Geral permite a visualização de praticamente todo o corpo humano, auxiliando na avaliação das condições gerais de órgãos, vasos e estruturas. Tórax, abdômen, sistemas digestivo e geniturinário, crânio, face, coluna vertebral e membros superiores e inferiores são as regiões mais usualmente estudadas a partir de radiografias com ou sem contraste.

Ecocardiografia

Exame que utiliza ondas de ultra-som para reproduzir imagens da estrutura e funcionamento do coração e seus vasos. É um método não-invasivo e que não emprega radiação, sendo recomendado para identificar alterações cardíacas como estenose aórtica, arritmias, embolia arterial, parada cardíaca e insuficiência cardíaca e anomalias congênitas.

Angiografia digital

Método utilizado na investigação de lesões em artérias e vasos sanguíneos por meio da injeção de contraste e monitoramento com aparelho digital, resultando em imagens de extrema precisão. A angiografia é muito solicitada pelos médicos para auxiliar no diagnóstico de doenças como o infarto do miocárdio, acidentes vasculares cerebrais (AVC), estenoses da artéria renal e embolias pulmonares, entre outras.

Mamografia digital

É o método mais eficaz para identificação precoce e diagnóstico de câncer de mama. A Mamografia reproduz uma imagem radiográfica que revela qualquer alteração no tecido mamário, como nódulos, cistos ou microcalcificações. Recomendado principalmente para mulheres acima dos 35 anos, este exame pode detectar anomalias antes mesmo de serem palpáveis, o que aumenta significativamente as chances de um tratamento bem-sucedido.

Densitometria óssea

Tem por finalidade medir a densidade dos ossos do corpo. Muito usado para auxiliar no diagnóstico de osteoporose e prevenir possíveis fraturas, é um exame simples, rápido, totalmente indolor e não requer preparo prévio. Utilizando baixas emissões de radiação, um equipamento especial de raios X analisa a estrutura óssea do paciente, comparando-a com padrões de sexo e idade.

Hemodinâmica

Baseada na técnica do cateterismo, a Hemodinâmica é o método que permite o diagnóstico prévio e o tratamento de doenças cardiovasculares, como infartos e isquemias. Introduzindo um contraste radiológico na circulação do músculo cardíaco, o exame é monitorado por equipamentos de alta tecnologia, o que garante extrema precisão aos resultados.

Radiologia intervencionista

Exame que utiliza a técnica do cateterismo e a radiologia para acessar diferentes partes do corpo, possibilitando a visualização e, em alguns casos, o tratamento de doenças. A Radiologia Intervencionista é bastante útil na investigação de lesões vasculares do cérebro, medula espinhal, tórax, membros e abdômen.

Radiologia geral

Por meio dos raios X, a Radiologia Geral permite a visualização de praticamente todo o corpo humano, auxiliando na avaliação das condições gerais de órgãos, vasos e estruturas. Tórax, abdômen, sistemas digestivo e geniturinário, crânio, face, coluna vertebral e membros superiores e inferiores são as regiões mais usualmente estudadas a partir de radiografias com ou sem contraste.